EM TROCA DE DÍVIDA, SPORT RESCINDE CONTRATO DE ROGÉRIO, QUE DEVE ACERTAR COM O BAHIA

Contratação mais cara da história do futebol nordestino, sendo adquirido em definitivo junto ao São Paulo por R$ 6 milhões, o atacante Rogério é mais um jogador a acertar a rescisão contratual com o Sport em troca de salários atrasados que tinha a receber. Com isso, o destino do avançado, de 28 anos, deve ser o Bahia. Porém, ao contrário da negociação do volante Jair com o Atlético-MG, onde além do atleta perdoar as dívidas, o Leão ainda teve direito a R$ 200 mil e um jogador por empréstimo, o distrato com Rogério se resumiu apenas a quitação do débito.

Procurado pelo Superesportes, o diretor de futebol do Sport, Wanderson Lacerda, confirmou a transação e avaliou a transação como “extraordinária”. Para isso se baseou na dívida que o clube tinha com o jogador.
“Não tem recebível, foi uma quitação. Está tudo quitado com Rogério. Passado, presente e futuro. Os valores referentes a Rogério eram muito altos. Foi um extraordinário negócio, até porque o Sport não tinha condições de continuar pagando o salário do jogador”, analisou.
O dirigente, no entanto, não soube revelar o total da dívida que o Sport tinha com o atacante. Porém, especula-se que o montante, referente a quatro meses de salários atrasados, 13º salário e férias seria em torno de R$ 1,5 milhão. Rogério tinha contrato com o Sport até 2021.
Entre dados conhecidos, Rogério se tornou a contratação mais cara do futebol do Nordeste em 2017, quando o Leão exerceu o poder de compra em definitivo dos direitos econômicos junto ao São Paulo por R$ 6 milhões. O valor foi dividido em duas parcelas. A primeira de R$ 2,5 milhões, paga em 2016, e a segunda de R$ 3,5 milhões, em abril do ano passado.
Pelo Leão, o jogador disputou 122 partidas e marcou 21 gols.

João de Andrade Neto /Superesportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *