CENTRAL E PERILIMA FICAM NO EMPATE EM JOGO-TREINO MOVIMENTADO

Central e Perilima realizaram um jogo-treino na tarde deste sábado no estádio Lacerdão, em Caruaru. Em uma partida muito movimentada, as equipes empataram em 4 a 4.

O técnico Estevam Soares começou o jogo com: Jeferson; Dudu Gago, Yuri, Bruno Oliveira, Daniel Rodrigues; Eduardo Eré, Fernando Pires, Paulinho Mossoró e Murilo Rangel; Gênesis e Leandro Costa. Mas, fez algumas modificações ao longo do duelo.

Os gols da Patativa foram marcados pelos atacantes Gênesis, Leandro Costa e Marlon e pelo zagueiro Janelson. Manu (duas vezes), Marcelinho Paraíba e Luan Gama marcaram para os visitantes.

O Central volta a campo na próxima quinta, contra o Santa Cruz, às 20h, no Arruda, pelo Pernambucano. Já o Perilima joga no próximo domingo, contra o Treze, às 16h, no PV, pelo Paraibano.

Por GloboEsporte.com / Foto: Magno Wendel / TV Asa Branca

JIMENEZ DESTACA RELAÇÃO COM JOSA E AVALIA O CONFRONTO COM O SANTA CRUZ, PELA COPA DO BRASIL

Jimenez foi a última contratação do Náutico para compor o elenco que disputou a Série C do Campeonato Brasileiro no ano passado. Desconhecido no Brasil, o polivalente paraguaio conquistou aos poucos seu espaço na equipe alvirrubra. No entanto, apenas após a lesão no púbis do volante Josa contra o Salgueiro, pela terceira rodada da Copa do Nordeste, o jogador se tornou titular na equipe comandada por Márcio Goiano e vem correspondendo à expectativa. O capitão do Timbu foi liberado pelo departamento médico e está à disposição do treinador para o clássico milionário contra o Santa Cruz, nesta quarta-feira, pela segunda fase da Copa Brasil.
“Infelizmente eu me tornei titular por causa da lesão de um companheiro. Não me sinto sacrificado taticamente. Eu vim para somar ao Náutico e dar o meu melhor. Minha obrigação em campo é marcar e dar saída de jogo a equipe, não é nenhum sacrifício. Não acho que eu e Josa temos muita diferença. Respeito o meu companheiro mais experiente. Gosto de escutá-lo e tenho admiração por ele. Ele me ajuda a ser melhor todo dia”, explicou o paraguaio.
Ao contrário da maioria dos jogadores titulares do Náutico, o atleta de 25 anos não foi poupado do confronto contra o Flamengo de Arcoverde, no último sábado, válido pela quinta rodada do Campeonato Pernambucano.
Enquanto o Náutico poupou a maioria dos seus jogadores titulares no confronto contra o Flamengo de Arcoverde, no último sábado, válido pela quinta rodada do Campeonato Pernambucano. Jimenez, no entanto, foi a campo normalmente. Já o adversário do Timbu, o Santa Cruz, disputou com toda equipe principal o Clássico das Multidões com o Sport. Prestes a disputar sua partida mais importante pelo alvirrubro, o volante não acredita que a equipe alvirrubra tem vantagem na disputa por estar mais descansado e não existe favorito.
“Para mim, não faz diferença. Em um plantel não existe titular ou reserva, ganha a partida quem cometer menos erros. Ninguém tem o favoritismo nesta partida, quem entrar concentrado e cometer menos erros, vai ganhar. Não podemos errar e temos que estar 100% concentrados”, concluiu.

Marina Maranhão /Especial para o Diario

NÁUTICO CLASSIFICADO PARA SEGUNDA FASE DA COPA DO BRASIL

Em sua estreia na Copa do Brasil, o Náutico empatou em um a um com o Imperatriz-MA, na noite desta terça-feira (12), no estádio Frei Epifânio, e garantiu a classificação para a segunda fase da competição.

O time pernambucano saiu na frente do marcador com um gol do lateral-direito André Krobel, aos 46 minutos do primeiro tempo. Os maranhenses empataram já nos acréscimos da etapa complementar, em cobrança de pênalti convertida por Daniel Barros.

Agora, os alvirrubros aguardam o confronto Sinop-MT x Santa Cruz, marcado para quinta-feira (14), 21h30 (horário do Recife), para conhecer o seu adversário na próxima fase.

 

Por: FPF / Foto: Leo Lemos/Náutico

AFOGADOS EMPATA COM SOUSA FORA DE CASA EM JOGO AMISTOSO

Jogando no estádio Marizão, em Souza, na Paraíba, o Afogados enfrentou a equipe do Sousa em jogo amistoso na tarde deste domingo. O tricolor fez um bom jogo e empatou com o Dinossauro Verde do Sertão em 1 a 1. Rodrigo abriu o placar pra Coruja e Léo Lima empatou para os donos da casa, no finalzinho do segundo tempo. 
Hoje (09/01), o Afogados recebe o CEO de Alagoas em mais um amistoso preparatório para o Campeonato Pernambucano 2019, às 20 horas, no estádio Vianão.
O confronto contra os Alagoanos vale a Taça Aderval Viana de Araújo, e também será uma noite festiva, pois, antes do confronto, às 19h00, o Afogados apresenta seus novos uniformes.

AFOGADOS VENCE JOGO-TREINO NO VIANÃO POR 14 A 0

O Afogados não economizou gols e venceu o jogo-treino contra o Independente de Zabelê-PB por 14 a 0. A partida foi realizada no último sábado (29) no estádio Vianão.

Esse foi o segundo jogo-treino da preparação da Coruja para o Pernambucano. No dia 22 de dezembro a equipe bateu o São José do Egito por 7 a 0. A equipe estreia no Estadual no dia 20 de janeiro, contra o Petrolina, em Afogados da Ingazeira.

TV ASA BRANCA REALIZA 9º CAMPEONATO DE VÔLEI EM NOVEMBRO

O 9º Campeonato TV Asa Branca de Vôlei começa no dia 15 de novembro. A competição vai reunir equipes de diversas cidades do Agreste e os jogos vão acontecer em Caruaru, São Bento do Una, Agrestina e Santa Cruz do Capibaribe.

O congresso técnico está marcado para o dia 7 de novembro, na sede da TV Asa Branca. A competição é organizada pela Federação de Voleibol do Estado de Pernambuco (Fevepe). A expectativa é que oito equipes participem no masculino e no feminino.

A campeã entre as mulheres em 2017 foi a equipe de São Bento do Una. Entre os homens, Caruaru ficou o título. Confira o regulamento e a ficha de inscrição do evento. As equipes interessadas devem se inscrever através do e-mail: pernambuco@volei.org.br.

Por GloboEsporte.com — Caruaru, PE

Foto: Mavian Barbosa

DE ELIMINADO A SEMIFINALISTA: SERRANO ENFRENTA O CENTRO LIMOEIRENSE POR VAGA NA FINAL

O Serrano terminou a fase de grupos da Série A2 do Campeonato Pernambucano fora da zona de classificação para as quartas de final. No entanto, após uma reviravolta, o clube pode seguir na competição. O 1º de Maio foi punido por escalação irregular de um jogador na primeira fase, perdeu três pontos e foi eliminado da competição.O Jumento de Aço ficou com a vaga por ter terminado a primeira fase na terceira colocação do grupo A, com oito pontos, atrás da equipe de Petrolina.
No último sábado, o Serrano conseguiu o que parecia improvável. Venceu o Íbis fora de casa, nos pênaltis e se classificou para as semifinais do torneio. Há quatro jogos do acesso, o clube sequer pode atuar no estádio Pereirão, em Serra Talhada, por não receber o alvará de liberação da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), o time mandou todos os seus jogos no estádio Vianão, em  Afogados da Ingazeira.
“Complica jogar sempre fora de casa, a nossa folha é uma das mais enxutas, mas a gente vai com garra e com vontade. Tenho que agradecer muito aos atletas e a comissão. 75% do nosso elenco é formado por pratas da casa, é a vida deles. A cidade se sente representada quando vê eles em campo”, acredita o presidente do clube, André Maio.
Curiosamente, o Serrano não venceu nenhuma partida nesta Série A2 do Campeonato Pernambucano. A equipe entrou em campo seis vezes, somando quatro empates e duas derrotas. Os pontos de duas vitórias na primeira fase foram ganhos de forma automática após a saída do Sete de Setembro.
Nesta terça-feira, o Jumento de Aço vai encarar o Centro Limoeirense pela partida de ida da semifinal, às 19:30, no estádio Vianão, em Afogados da Ingazeira. “Estamos tranquilos, os atletas estão focados e sabem que podem entrar para história. Estamos trabalhando com muito amor. O objetivo é ser campeão, sem dúvida”, finaliza o presidente.

Marina Maranhão /Especial para o Diario

MACAÉ DIZ QUE NÃO TEM PARCERIA COM SERRANO

O Presidente do Macaé, do Rio de Janeiro, Mirinho, em conversa com a equipe Show de Bola, da Rádio Cultura FM 92,9, Mirinho disse que não conhece o Serrano, e que não fez nenhuma parceria com o time de Serra Talhada, interior de Pernambuco. Segundo Mirinho, que é fundador do Macaé e atual Presidente, “um time só já é uma problema, imagine dois”. Para ele, a notícia o pegou de surpresa pois, não havia feito parceria esse ano e desconhece qualquer forma de parceria.

O Macaé definiu o seu treinador para o Campeonato Carioca de 2019. E trata-se de um velho conhecido: Luís Antônio Zaluar. O acerto foi confirmado pelo presidente do Alvianil Praiano, Mirinho, na tarde desta quinta-feira.

– O Zaluar será o nosso treinador. Isso já está certo – disse o dirigente.

Zaluar trabalhou no Macaé em 2006 e chegou a ser anunciado como técnico do clube no fim de 2016, mas deixou a equipe antes mesmo de iniciar as atividades devido à uma proposta tentadora do Ras Al Khaimah, dos Emirados Árabes.

Aos 55 anos, o treinador soma passagens por diversos clubes ao longo da carreira, como Ceará, Paysandu, Caxias-RS e Vitória-ES. No Rio de Janeiro, já passou por Volta Redonda, Americano, Cabofriense, Goytacaz e São João da Barra.

O último trabalho de Zaluar ocorreu no Juazeirense, da Bahia, no início do ano.

A apresentação

O Macaé iniciará as atividades no dia 22 de outubro. Apenas os jogadores que possuem contrato com o clube irão se apresentar no Estádio Moacyrzão – no total, são 12 atletas, segundo a direção do Alvianil Praiano.

LONGE DAS COMPETIÇÕES DESDE 2015, ARARIPINA F.C. COMPLETA 10 ANOS DE HISTÓRIA

Dono de uma das torcidas mais fanáticas do Sertão de Pernambuco, o Araripina Futebol Clube completa 10 anos de fundação nesta terça-feira. No entanto, o torcedor do Bode não tem muitos motivos para comemorar. Enfrentando problemas financeiros e administrativos, o clube está há três anos sem disputar uma competição oficial.

O último jogo oficial disputado pelo Araripina foi na Série A2 de 2015, contra o Afogados. A partida, válida pela segunda fase da competição, terminou com a derrota do Bode por 1 a 0. O duelo foi realizado no estádio Chapadão do Araripe.

Se hoje o torcedor do Araripina não tem motivos para se orgulhar do clube, no início da trajetória do Bode no futebol a situação era bem diferente. Em 2009, quando jogou a Série A2 pela primeira vez, a equipe conseguiu o vice-campeonato, obtendo o acesso para a elite do Pernambucano. O técnico do time era Pedro Manta.

Jogando a Série A, o Bode ficou na décima posição, em 2010, e no oitavo lugar, em 2011. Em 2012, o time não conseguiu repetir o desempenho e foi rebaixado para a segundona, de onde não conseguiu sair.

Em 2013 e 2014, o Bode foi eliminado nas quartas de final. Em 2015, quando participou da Série A2 pela última vez, o Araripina caiu na segunda fase. Antes do início do campeonato, o clube chegou a desistir de participar da luta pelo acesso, alegando problemas com ações trabalhistas.

2016 foi o primeiro ano sem futebol do Araripina. Na época, o então presidente do clube, Borba Sampaio, alegou que o fator financeiro contribuiu para a ausência do time no certame. Em 2017, a situação foi a mesma. Atualmente, o Araripina é presidido por Ted Eduardo Alencar, que foi presidente do clube entre novembro de 2014 e agosto de 2015.

Curiosidades

Último técnico: Willian Rodrigues.

Autor do último gol: Pirambu, na vitória contra o Petrolina

Última vitória: Petrolina 2 x 3 Araripina – segunda fase da Série A2

Último placar: Araripina 0 x 1 Afogados

Você sabia? O zagueiro Aderllan, que hoje defende o Vitória, na Série A do Campeonato Brasileiro, jogou no Bode em 2009.

 

Por Emerson Rocha, Araripina/Foto Divulgação Araripina

ESTÁDIO PAULO COELHO PRONTO PARA A SÉRIE A2

Segundo nosso Presidente Ronaldo Silva, após a vistoria da Federação Pernambucana de futebol no domingo passado (05/08/18), o Estádio Paulo Coelho está apto para a disputa do Pernambucano A2. Assim, Petrolina entrega seu campo de jogo. A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) divulgou a tabela da primeira fase do Campeonato Pernambucano da Série A2. Logo na estreia, os torcedores de Petrolina, no Sertão do estado, vão poder matar a saudade de um clássico que não acontece desde 2010. No dia 26 de agosto, às 15h, Petrolina e 1º de Maio se enfrentam no estádio Paulo de Souza Coelho.

A Série A2 do Pernambucano conta com a presença de 15 times. Os clubes petrolinenses estão no Grupo A, com Serrano e Sete de Setembro. Os dois melhores da chave classificam-se para o mata-mata. A competição termina no dia 24de outubro e apenas um time conseguirá o acesso para a primeira divisão de 2019.

 

Globoesporte.com

1 2 3 4 6