VETTEL DOMINA 1º DIA DE TESTES DA PRÉ-TEMPORADA DA FÓRMULA 1

O alemão Sebastian Vettel foi o mais rápido do primeiro dia de testes da pré-temporada da Fórmula 1, nesta segunda-feira, no Circuito da Catalunha, nos arredores de Barcelona. O piloto da Ferrari foi o mais veloz, ainda no período da manhã, e também foi quem mais tempo permaneceu na pista.

Vettel marcou o tempo de 1min18s161 e completou 169 voltas. Para efeito de comparação, a pole position do último GP da Espanha, disputado no mesmo circuito, foi de 1min16s173 e registrada pelo inglês Lewis Hamilton. O alemão foi o único piloto da Ferrari na pista nesta segunda.

Exibindo ritmo e confiabilidade do novo carro italiano, Vettel só levou um susto no período da manhã, quando rodou na pista, sem maiores consequências. À tarde, ele manteve a velocidade, mas não alcançou o ritmo da manhã. 

O piloto que mais se aproximou do atual vice-campeão mundial foi o espanhol Carlos Sainz Junior, em sua estreia pela McLaren. O substituto do compatriota Fernando Alonso anotou o tempo de 1min18s558. Ele completou 119 voltas e só ficou atrás de Vettel e do holandês Max Verstappen.

O piloto da Red Bull deu 128 giros no circuito catalão e registrou o quarto melhor tempo (1min19s426) do dia na estreia da parceria do time austríaco com os motores Honda. Sem sustos, o time também mostrou confiabilidade e exibiu pintura mais tradicional, diferente da apresentada no lançamento do modelo deste ano. O terceiro mais veloz desta segunda foi o francês Romain Grosjean, da Haas, com 1min19s159.

Atual campeã dos Mundiais de Pilotos e de Construtores, a Mercedes dividiu este primeiro dia de testes entre seus dois pilotos. E o pentacampeão Lewis Hamilton foi superado pelo companheiro Valtteri Bottas. O inglês foi o nono mais rápido, com 1min20s135, após 81 voltas. Bottas, com 69, registrou o oitavo melhor tempo, com 1min20s127.

Em sua estreia pela Alfa Romeo (ex-Sauber), o finlandês Kimi Raikkonen anotou o quinto tempo do dia, com 1min19s462, em 114 voltas. Voltando à Fórmula 1, o russo Daniil Kvyat foi o sexto melhor do dia, com 1min19s464, pela Toro Rosso. E o mexicano Sergio Pérez foi o sétimo, com 1min19s944, defendendo as cores da Racing Point (ex-Force India).

Depois da Mercedes, vieram os carros da Renault. O alemão Nico Hülkenberg foi o décimo colocado do dia, com 1min20s980, seguido do seu novo companheiro, o australiano Daniel Ricciardo. O ex-piloto da Red Bull anotou o tempo de 1min20s983.

A Williams não mandou nenhum carro para a pista nesta segunda e nem o fará na terça. A direção do time britânico anunciou no início do dia que só começará suas atividades no traçado de Barcelona na quarta-feira.

REAL MADRID BATE AJAX FORA E SE APROXIMA DAS QUARTAS

O Real Madrid deu um grande passo rumo às quartas de final da Champions ao vencer o Ajax por 2×1 nesta quarta-feira no jogo de ida das oitavas. O time holandês jogou melhor mas não foi tão eficiente e ainda teve um gol anulado pelo VAR.

Pouco antes do intervalo, o argentino Nicolás Tagliafico cabeceou a bola para as redes, mas o árbitro anulou marcando impedimento do sérvio Dusan Tadic. No segundo tempo o francês Karim Benzema (59) abriu o placar para a equipe espanhola em grande jogada do brasileiro Vinicius Júnior e o marroquino Hakim Ziyech empatou (75). Mas Marco Asensio (87) fez o gol da vitória.

Apesar da vitória, o Real Madrid foi superado em muitos momentos pelo Ajax, que com uma equipe de jovens talentos, impôs seu jogo de toques e triangulações que só pecou nas finalizações para conseguir um melhor resultado.

 

Por: AFP

GUARDIOLA SE RENDE AO FUTEBOL DO LIVERPOOL: ‘É O MELHOR DO MUNDO NO MOMENTO’

O técnico do Manchester City, Josep Guardiola, se rendeu ao futebol do Liverpool neste domingo. As duas equipes se enfrentam na quinta-feira, dia 3 de janeiro, em um confronto com ares de decisão no Etihad Stadium, pela 21ª rodada do Campeonato Inglês.

Para o técnico espanhol, o time de Jürgen Klopp é o melhor do mundo neste momento. “O Liverpool é o melhor time da Europa ou do mundo neste momento. Está em sua melhor forma”, admitiu o treinador, após a vitória do Manchester City sobre o Southampton por 3 a 1, neste domingo.

O Liverpool está invicto no Campeonato Inglês – 17 vitórias e três empates -, soma 54 pontos e tem sete de vantagem para o Manchester City, atualmente o vice-líder.

Apesar dos elogios, Guardiola não vê sua equipe fora da briga pelo título. O Manchester City se recuperou da sequência de duas derrotas neste domingo ao voltar a vencer, fora de casa.

“Há quem diga que estamos fora desta luta por termos perdido dois dos últimos jogos. Outros dizem que somos candidatos se ganharmos do Liverpool. A única certeza é que ainda faltam muitos jogos para o fim do campeonato”, afirmou. Guardiola acrescentou que o jogo de quinta-feira será “uma final” para o Manchester.

FURACÃO CONTINENTAL!

Foi sofrido demais, com muita tensão, dois pênaltis contra si nos dois jogos da final, mas o Atlético-PR superou tudo isso para conquistar o maior título de seus 94 anos de história. Na noite que virou a madrugada desta quinta-feira, o Furacão voltou a empatar por 1 a 1 com o Junior Barranquilla na Arena da Baixada, com mais um gol de seu artilheiro Pablo, levou a melhor na disputa por pênaltis por 4 a 3, com Thiago Heleno convertendo o último, e se tornou o campeão da Copa Sul-Americana. De quebra, o time de Tiago Nunes carimbou a vaga na fase de grupos da Libertadores de 2019!

Anota aí: o ano de 2018 terminou para o Atlético-PR, único dos grandes clubes brasileiros que ainda não estava de férias. Mas já está cheio de compromissos em 2019. Além do Campeonato Paranaense e da Libertadores no primeiro semestre, ainda terá a Recopa Sul-Americana, disputa entre os dois campeões da América do Sul. O Furacão receberá o River Plate, da Argentina, ganhador da Libertadores, no dia 20 de fevereiro, na Arena da Baixada. E no dia 6 de março, faz o jogo decisivo no Monumental de Núñez, em Buenos Aires, em partida com portões fechados devido à punição da Conmebol. Isso sem contar a Copa Suruga, entre o ganhador da Sul-Americana e o campeão do Japão, no segundo semestre.

NAPOLI, PARIS SAINT-GERMAIN E LIVERPOOL DISPUTAM DUAS VAGAS NA LIGA DOS CAMPEÕES

A terça-feira reserva o começo da última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa e promete pegar fogo a disputa pelas duas vagas do Grupo C nas oitavas de final. Às 18 horas (de Brasília), o Liverpool recebe o Napoli, enquanto o Paris Saint-Germain visita o Estrela Vermelha.
O Napoli lidera com nove pontos e busca um empate na Inglaterra contra o terceiro colocado Liverpool, no Estádio Anfield, em Liverpool. Os ingleses, que estão na terceira posição com seis pontos, precisam de um triunfo para avançar.
A partida se desenha muito nervosa e tem tudo para ser decidida nos detalhes, conforme expectativa dos dois lados. Os atletas do Liverpool entendem que é preciso ter tranquilidade para saber administrar a pressão.
“Vai ser um compromisso muito complicado. O Napoli é uma equipe experiente e que tem uma grande capacidade de jogar nos contra-ataques. Vamos precisar saber lidar com este tipo de situação, pois temos que buscar a vitória desde os primeiros minutos. Uma postura ofensiva, aliada a inteligência para encontrar os melhores espaços, é o segredo, porém, não podemos permitir que o Napoli encontre meios de furar a nossa defesa, o que tornaria a nossa tarefa ainda mais complicada do que ela já é”, disse o atacante egípcio Mohamed Salah, esperança do Liverpool.
No outro jogo do grupo, o Paris Saint-Germain visita o Estrela Vermelha e precisa de um empate para garantir vaga na próxima fase. Por outro lado, o time da Sérvia ainda pode terminar na terceira colocação e conquistar vaga na Liga Europa, mas precisa vencer a equipe francesa em casa.

Gazeta Press

AOS 40 ANOS, DROGBA SE APOSENTA DO FUTEBOL COM DERROTA EM FINAL NOS EUA

Chegou ao fim na noite de quinta-feira a carreira de Didier Drogba como jogador de futebol. Aos 40 anos, o marfinense se despediu do esporte com uma derrota na decisão da United Soccer League (USL), uma divisão inferior da modalidade nos Estados Unidos. Seu time, o Phoenix Rising, perdeu para o Louisville City, por 1 a 0, e ficou com o vice.

Após a partida, Drogba foi ao encontro da pequena torcida do Phoenix no estádio em Louisville, agradeceu o carinho e deixou o campo sem falar com a imprensa. O marfinense, porém, já havia anunciado em outras oportunidades que esta seria sua última temporada como profissional.

No ano passado, em entrevista a uma rádio francesa, Drogba comunicou “acreditar” que 2018 seria seu último ano no futebol. Em outubro, porém, ele foi mais assertivo e escreveu um texto para o site do Phoenix Rising cravando: “A verdade é que está é minha temporada final”.

Drogba foi um dos grandes jogadores africanos de todos os tempos. Revelado pelo Le Mans, passou pelo Guingamp, também na França, antes de ganhar destaque no Olympique de Marselha, onde atuou de 2003 a 2004. O Chelsea, então, desembolsou 24 milhões de libras para contratar o atacante, e na Inglaterra ele foi ídolo.

 

Estadão Conteúdo

NEYMAR SERÁ JULGADO NA ESPANHA E PODE SER CONDENADO A ATÉ SEIS ANOS DE PRISÃO

Neymar não veste mais a camisa do Barcelona, mas a venda do jogador para o time catalão, em 2013, segue sendo alvo de polêmicas. Um tribunal composto por três juízes irá julgar o jogador e o presidente do Barça, Josep Maria Bartomeu, por crimes de corrupção e fraude na transferência.

O fundo brasileiro DIS, que, na época, possuía 40% dos direitos federativos de Neymar, também está envolvido na investigação. Dependendo do desfecho, o camisa 10 do Paris Saint-Germain pode pegar até seis anos de prisão.

“O Neymar vai ser julgado por corrupção e dolo, sendo que ele incorre numa pena que pode ir dos quatro aos seis anos de prisão”, disse José María Vázquez Honrubia, um dos juízes encarregados de julgar o caso.

Sandro Rosell, presidente do Barcelona entre 2010 e 2014, e o pai de Neymar, que é empresário do jogador, também são acusados no caso.

Oficialmente, o Barcelona anunciou um valor próximo aos 57 milhões de euros (R$240 milhões na cotação atual). No entanto, a Justiça espanhola alega ter tido acesso a documentos que comprovam que a transferência envolveu um valor que rondou os 83 milhões de euros (R$349 milhões).

CBF ANUNCIA VENDA DE DIREITOS INTERNACIONAIS DO BRASILEIRÃO PARA 2019 A 2022

A CBF confirmou na noite desta quinta-feira que vendeu os direitos internacionais de transmissão e também de publicidade estática da Série A do Campeonato Brasileiro para os anos de 2019 a 2022. Segundo a entidade, o acordo vai render “mais de meio bilhão de reais” para o futebol brasileiro.

Os direitos foram negociados com a empresa BRFOOT Mídia S.A. E, segundo a CBF, a assinatura do acordo teve a participação de 18 clubes, cujos nomes não foram revelados pela entidade. O valor de R$ 500 milhões entrará no futebol brasileiro pelos “próximos quatro anos”.

Parte deste valor será repassado aos clubes já neste ano, a título de luvas. A partir de 2019, eles vão receber um pagamento anual. “A divisão será feita de forma igualitária entre todos os clubes participantes”, garantiu a CBF, para a qual o acordo será um “divisor de águas na geração de receitas aos clubes”.

Ainda segundo a entidade, os clubes participaram de todo o processo de negociação. “A CBF conduziu de forma absolutamente transparente todos os passos desse processo que incluiu a instrução, análise e negociação das propostas recebidas. A empresa eleita foi definida por uma comissão de clubes escolhida pelos integrantes da Série A”, disse a entidade, em nota.

 

Estadão Conteúdo

RONALDO É EXPULSO EM LANCE POLÊMICO, MAS JUVENTUS BATE VALENCIA NA ESTREIA

A Juventus visitou o Valencia nesta quarta-feira e, mesmo sem Cristiano Ronaldo durante a maior parte do confronto, venceu por 2 a 0 na estreia na Liga dos Campeões. O português foi expulso em lance muito polêmico ainda no primeiro tempo pelo alemão Felix Brych, que, por outro lado, marcou os dois pênaltis que permitiram ao time italiano arrancar o triunfo fora de casa – Pjanic converteu ambos.

Grande aposta da Juventus para voltar a vencer uma Liga dos Campeões depois de 23 anos, Ronaldo ainda não embalou em seu novo clube. Nesta quarta, porém, foi prejudicado por uma atuação extremamente desastrada do árbitro, que foi muito rigoroso ao expulsá-lo de forma direta logo aos 29 minutos do primeiro tempo e marcou três pênaltis. Parejo desperdiçou o único favorável ao Valencia já nos acréscimos.

Até a expulsão de Ronaldo, o jogo era bastante movimentado e disputado. Gonçalo Guedes foi o responsável pela primeira chegada do Valencia, mas Mandzukic, aos 10 minutos, desperdiçou o primeiro grande momento da partida. Seis minutos mais tarde, Khedira apareceu de frente para o brasileiro Neto e jogou por cima.

A Juventus ainda teve ótima oportunidade com Matuidi, que parou em grande defesa de Neto aos 20 minutos, antes que Felix Brych aparecesse. Aos 29, Ronaldo se irritou com uma tentativa do zagueiro Murillo de cavar uma falta e mandou o zagueiro se levantar com um “cutucão” em sua cabeça. O árbitro considerou o gesto suficiente para expulsar o astro, que deixou o campo chorando bastante e desconsolado por sua primeira expulsão em 154 jogos de Liga dos Campeões.

Abalada pela perda de seu maior craque, a Juventus recuou e viu o Valencia crescer. O time espanhol criou seu melhor momento aos 37, quando Batshuayi recebeu na área pela direita e finalizou com pouco ângulo, mas exigindo trabalho de Szczesny. O mesmo Batshuayi assustou na sequência, após passe de Rodrigo.

Quando a Juventus parecia dona do jogo, porém, João Cancelo, ex-Valencia, acertou o travessão e, no rebote, foi acertado por uma solada de Dani Parejo. O árbitro marcou pênalti, que Pjanic cobrou no canto esquerdo, sem chances para Neto.

O Valencia tentou se lançar ao ataque na volta para o segundo tempo, mas, logo aos cinco minutos, Felix Brych viu pênalti bastante discutível em lance de Murillo com Bonucci. Pjanic bateu da mesma forma e selou o placar. O time espanhol até tentou responder, mas pouco incomodou. Somente em nova aparição do árbitro alemão, os donos da casa tiveram a chance de diminuir, mas Szczesny defendeu novo pênalti, cobrado por Parejo, já nos acréscimos.

Com o resultado, a Juventus somou os primeiros três pontos no Grupo H da Liga dos Campeões, assim como o Manchester United, que também largou bem no torneio. Nesta quarta, a equipe de José Mourinho foi à Suíça e confirmou o favoritismo diante do Young Boys, ao vencer por 3 a 0.

O destaque do jogo foi Pogba, em dia inspirado. O francês abriu o placar aos 34 minutos com um lindo chute da entrada da área, de esquerda, que acertou o ângulo. Nove minutos mais tarde, ele mesmo ampliou, de pênalti. Com o jogo praticamente definido, ainda houve tempo para Martial selar o placar aos 20 da etapa final. Ele recebeu justamente de Pogba em contra-ataque e finalizou no canto do goleiro.

Estadão Conteúdo

MARCELO PAGARÁ R$ 3,5 MILHÕES POR FRAUDE NO IMPOSTO DE RENDA ESPANHOL

O lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid, terá que pagar 753 mil euros (R$ 3,5 milhões) por fraudar o imposto de renda da Espanha. O jogador brasileiro foi denunciado pela Promotoria provincial de Madri e chegou ao acordo nesse valor.

A multa total é referente a uma fraude de 490 mil euros (R$ 2,3 milhões) na declaração do imposto de renda pessoa física referente a 2013. Com isso, além desse valor, Marcelo acordou em pagar mais 196 mil euros (R$ 927 mil) referente a multa.

Marcelo foi denunciado em outubro do ano passado por crime contra o Tesouro Nacional. Assim que recebeu a informação, o jogador teria procurado o tribunal em Madri para ratificar o acordo. No pacto com o promotor público, o lateral do time espanhol ainda foi condenado a quatro meses de prisão.

No entanto, no país, condenações com menos de dois anos podem ser convertidas em multa. Marcelo teria ocultado a renda recebida pelos direitos de imagem. Caso a promotoria decida pela prisão do atleta, o valor da multa subiria para 800 mil euros (R$ 3,8 milhões).

O jogador não é o primeiro a ser condenado por fraude ao imposto de renda espanhol. Cristiano Ronaldo, Messi, Neymar, Mourinho e Modric também tiveram que pagar multa para evitar a prisão por ocultar renda.

 

Estadão/Conteúdo

1 2 3 6