PEDRO MANTA É APRESENTADO NO AFOGADOS

O técnico Pedro Manta está de volta ao Afogados da Ingazeira, para o Pernambucano A1 em 2020. A apresentação foi na última quarta-feira na loja da Coruja do Sertão. Além de Diretores, se fizeram presentes as torcidas organizadas, Afogados Chope e Torcida Jovem, além da imprensa do Pajeú com as Rádios, Afogados FM, Pajeú FM e Rádio Cultura FM de Serra Talhada.

Na apresentação, Pedro Manta falou das dificuldades que vem pela frente, pois são várias competições ao mesmo tempo e requer um maior planejamento. Pedro Manta pretende trabalhar com 25 atletas e vai se reunir com a diretoria em busca de solução, uma vez quê, com uma folha de pagamento no limite, a estratégia é buscar nomes conhecidos da região. Manta falou ainda, do formato da competição que será mais difícil com a chagada do Ratrô e também com um Náutico embalado com o campeonato da série C.

A apresentação dos atletas está prevista para o dia 16 de dezembro e vai contar com uma solenidade, como nos anos anteriores. Os diretores Ênio Amorim e Márcio, também participaram e falaram das expectativas para temporada, que para eles já começou. A equipe vai participar do Pernambucano A1, Copa do Brasil e Série D do Brasileirão.

PERNAMBUCANO A1 2020 MUDA FÓRMULA

O Conselho Arbitral da FPF se reuniu hoje (18) a tarde para definir como será o campeonato pernambucano 2020. O novo formato é inédito, são 13 datas, com início no dia 18 de janeiro. Segundo o presidente Evandro Carvalho, a reunião proporcionou aos clubes um entendimento satisfatório e assim se chegou ao senso comum. Só um detalhe ficou pendente, as datas das finais. Um contato com a CBF definirá qual o dia e hora.

São dez equipes que enfrentam em turno apenas de ida, daí os seis melhores se classificam, e os quatro últimos duelam em um quadrangular com pontos corridos definindo os dois rebaixados à Série A2. Dos seis que passam de fase, os dois primeiros já estão garantidos na semifinal, o 3º enfrenta o 6º e o 4º duela com o 5º para definir os outros dois semifinalistas – estes confrontos serão realizados em jogo único, com mando para a equipe de melhor desempenho na primeira fase.

Na semifinal, novamente jogo único, com o líder e vice-líder da primeira fase tendo o mando de campo por conta da melhor campanha. Já na final, os duelos serão em ida e volta, com o time que tiver feito mais pontos ao longo da primeira fase realizando a segunda partida em casa.

Regulamento do Pernambucano de 2019

Nº de participantes: 10 clubes

Náutico, Sport, Santa Cruz, Central, Salgueiro, Vitória, Afogados, Petrolina, Decisão e Retrô

Data: começa 18 de janeiro

1ª fase: turno único; Todos os clubes se enfrentam em jogos de ida, se classificando os seis melhores e os quatro piores realizam um quadrangular de pontos corridos em três datas para definir os dois rebaixados. Os dois primeiros nesta fase já se garantem na semifinal.

2ª fase: mata-matas; Disputada em jogo único, com o 3º colocado enfrentando o 6º, e o o 4º jogando contra o 5º para definirem os outros dois semifinalistas. Os times de melhores campanha fazem a partida como mandantes. Em caso de igualdade, a decisão será nos pênaltis.

3ª fase: semifinal; Também disputada em apenas um jogo com o mando para o líder e vice-líder da primeira fase. Em caso de igualdade, a decisão será nos pênaltis.

4ª fase: final; Realizada em jogos de ida e volta, com o time de melhor campanha fazendo o segundo jogo em casa. Para a definição do campeão, será considerada a soma da pontuação nos dois jogos. Em caso de igualdade em pontos, o primeiro critério será o saldo de gols na fase (sem gol qualificado). Persistindo o empate nos 180 minutos, o campeão sairá nos pênaltis.

AFOGADOS CONTRATANDO PARA O PERNAMBUCANO A1 2020

A equipe do Afogados da Ingazeira já está montando o elenco que deve ser apresentado no próximo mês de dezembro. Com a expectativa de fazer novamente um bom campeonato pernambucano, cinco jogadores já foram contratados. no último dia 31 de outubro, foi anunciado o jogador Philip, de 28 anos. O jogador estava no Goytacaz, do Rio de Janeiro. Com a chegada do atacante, essa torna-se a quinta contratação da Coruja do Sertão para a temporada 2020, antes, a diretoria anunciou o retorno de Thalison, de 26 anos, que estava no Horizonte, do Ceará, disputando a segunda divisão. Quem também chega como reforço é o volante Diego Teles, que estava no Goianésia, de Goiás. Outro que está de volta é o lateral direito Jader, que esteve no Afogados em 2019, ele estava no Corisabá, do Piauí. O outro jogador acertado é o atacante Rodrigo, de 26 anos, que estava no Friburguense, do Rio de Janeiro, na disputa da segunda divisão estadual. Outro jogador que passou pelo Afogados e retorna para o clube é Márcio que estava na Juventus, de São Paulo.

Com essas contratações fica a dúvida, quem será o técnico do Afogados no próximo ano, uma vez que, Pedro Manta, que esteve dirigindo a equipe nas duas últimas temporadas está no Retrô Brasil, disputando a série A2 do pernambucano, e, caso a equipe caçula de Pernambuco passe para a série A1, dificilmente Pedro Manta retorna para o Sertão do Pajeú.

AFOGADOS ESTÁ NA COPA DO BRASIL !

O Afogados da Ingazeira fez história. Na noite de ontem, no estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro, a coruja do sertão garantiu a vaga para a Copa do Brasil 2020, ao vencer o time da casa por 3 x 2. Em jogo muito disputado, o Carcará recebeu a Coruja, e já no primeiro tempo muita emoção. O jogo valia uma vaga para um dos campeonatos mais rentáveis do Brasil, o vencedor colocava nos cofres, R$ 525,000,00. A partida seguia para as penalidades máximas, porém, Grafite, aos 41 do segundo tempo marcou o gol da vitória, e colocou o Afogados na História do futebol brasileiro. O Afogados é o clube mais novo na competição nacional em 2020, com uma administração sólida, pé no chão, o clube do sertão de Pernambuco, distante mais de 500 Km da capital Recife, vem ganhando notoriedade no cenário do futebol. Ficou entre os quatro clubes mais bem colocados no Pernambucano 2019, que lhe valeu uma vaga na série D, 3º colocado na competição, que garantiu a vaga na copa do Brasil e a permanência na série A1 do estadual. Durante essa semana, vamos contar um pouco do Afogados da Ingazeira.

NÁUTICO NA FINAL DO PERNAMBUCANO

O Náutico está na final do Campeonato Pernambucano. Mas não sem polêmica. Em jogo marcado por críticas à arbitragem, o Timbu venceu o Afogados por 2 a 0 na semifinal, dentro dos Aflitos, nesta quarta-feira, e espera o vencer de Sport e Salgueiro. O primeiro gol, irregular, foi marcado por Luiz Henrique. Assis foi o autor do segundo. Entre els, Odilávio teve um gol legal mal anulado – e o zagueiro Márcio, do time sertanejo, foi expulso de forma contestada pelos visitantes.

O Afogados está eliminado do Campeonato Pernambucano e, agora, só joga na Série D. Já o Náutico, finalista, espera o vencedor de Sport x Salgueiro, que jogam no próximo domingo. Antes disso, no sábado, a equipe visita o Ceará pelas quartas da Copa do Nordeste (próximo sábado).

A arbitragem, comandada por Gilberto Castro Júnior, foi um assunto à parte do jogo. Além dos dois gols do Náutico que tiveram marcação errada, o juiz ainda expulsou o zagueiro Márcio, do Afogados, em lance muito contestado pelos sertanejos.

Público: 11.962 Renda: R$ 155.887,00

 

Por: GE

CONTRA NÁUTICO, TÉCNICO DO AFOGADOS ESPERA ‘TRANSFORMAR SONHO EM REALIDADE”

A semifinal do Campeonato Pernambucano contra o Náutico, nesta quarta-feira, será o jogo mais importante da história do Afogados da Ingazeira. Fundado há apenas cinco anos, é a primeira vez que o clube avança até esse estágio em uma competição. Na temporada passada, a Coruja do Pajeú avançou até as quartas de final do Estadual, mas foi eliminada justamente pelo Timbu.
Este ano, no entanto, o Afogados vive um momento especial. Além de ter eliminado o Santa Cruz e avançado para a semifinal do Pernambucano, o clube conseguiu outra conquista inédita: uma vaga na Série D de 2020. “O futebol só acontece quando a bola rola. Talvez o salário de dois ou três jogadores do Náutico pague uma folha salarial inteira da gente. Sabemos dessa disparidade. Mas no campo são 11 de lá e 11 de cá. Vamos tentar transformar o sonho em realidade”, acredita o técnico da equipe, Pedro Manta.
Antes de entrar em campo contra o Tricolor na fase eliminatória, o treinador classificou o duelo como um embate entre Davi e Golias. Nas semis, o cenário é novamente desfavorável para a equipe do sertão do pajeú. “Não muda nada da partida contra o Santa Cruz. Vamos jogar com um time grande e que vem sendo preparada por um grande treinador, que é o Márcio Goiano. A dificuldade é até maior, o Náutico é uma equipe que tem uma transição muito rápida do meio para o ataque”.
Apesar do Timbu ser amplamente favorito para a partida de quarta-feira, Pedro Malta assume o papel de franco-atirador e espera surpreender o alvirrubro dentro da sua casa, assim como fez com o Santa Cruz, no Arruda. “Desde quinta-feira já começamos a estudar o Náutico. Assim como vão estudar a gente também. Temos que eliminar os pontos fortes e tentar surpreender. É difícil, mas não é impossível”, concluiu.

Marina Maranhão /Especial para o Diario

AFOGADOS COMEÇA PREPARAÇÃO PARA ENFRENTAR O NÁUTICO

A equipe do Afogados da Ingazeira começa a se preparar para enfrentar o Clube Náutico Capibaribe neste sábado. Pedro Manta deu folga aos atletas logo após o término da partida contra o Santa Cruz, no Arruda. Muito focado no campeonato, o elenco vê como normal afirmações de equipes de comunicações da capital pernambucana, que dizem ser difícil uma vitória sobre o time de Rosa e Silva. Alguns chegam a dizer, “que é mais fácil um camelo passar por um buraco de agulha do quê o Afogados vencer nos Aflitos“. O que observamos é um time muito arrumado e com chances iguais ao Náutico, aliás, o clube dos aflitos vai jogar na pressão, pois, joga em casa com a obrigação de vencer. Um detalhe muito importante e que, a coruja do Sertão tem jogado melhor fora de casa, e isso está bem visível nos últimos resultados. A Diretoria está dando todas as condições para os atletas, onde a união de todos pode ir mais longe. A FPF ainda não definiu a data da partida por conta de jogos da Copa do Nordeste envolvendo Salgueiro e Náutico, que estão na competição e jogam neste fim de semana.

NOS PÊNALTIS, AFOGADOS FAZ HISTÓRIA

Foi sofrido, mas o Afogado conseguiu uma classificação inédita para as semifinais do Campeonato Pernambucano, nesta quarta-feira. Depois de empatar em 1 a 1 no tempo normal com o Santa Cruz – com gols de Rodrigo e Allan Dias – a Coruja foi superior nos pênaltis e surpreendeu o Arruda. Nas penalidades, os sertanejos venceram por 3 a 1. O adversário será o Náutico nas semis.

Apesar do jogo ser no Arruda, o Afogados mostrou mais controle da partida desde o começo. O Santa Cruz pouco agrediu e o time sertanejo, por outro lado, mostrava uma boa postura defensiva. Só que o jogo era fraco até os 30 minutos, quando Candinho teve a primeira boa chance e quase faz em uma cobrança de falta. A partir daí as chances começaram a aparecer. A Coruja foi mais competente: Rodrigo, aos 44 minutos, abriu o placar. Ao fim da primeira etapa, a torcida vaiou muito os corais.

Na necessidade de correr atrás do placar – até por jogar em casa – o Santa Cruz voltou com mais vontade. Apesar de desorganizado, o Tricolor se lançou ao ataque e acumulou algumas chances perdidas. Até Marcos Martins encontrar Allan Dias, que cabeceou para empatar o jogo. Com a torcida empurrando, o Santa se animou mais ainda depois do empate. Só que o ímpeto foi baixando à medida que o tempo passava principalmente pelo desgaste físico e a chuva forte. O Afogados se segurou como pôde. E o jogo foi para os pênaltis.

Pipico foi o primeiro a cobrar pelo Santa e converteu. Douglas foi para a bola pelo Afogados e Anderson pegou. Neto Costa bateu pelo Santa Cruz e perdeu também. Jader empatou para o Afogados. Em seguida, foi a vez de Patrick Vieira. Ele perdeu também. Pelo Afogados, Márcio converteu e deixou o time sertanejo na frente. Allan Dias perdeu para o Santa. O Afogados tinha tudo na mão. Era fazer para avançar às semifinais. Thalison fez e classificou os sertanejos. Público total: 3.259 pessoas Renda: R$ 29.486,00

 

Globo.com/Foto: Aldo Carneiro, Pernambuco Press

APÓS QUASE DOIS ANOS, SAMMIR COMEMORA VOLTA AO FUTEBOL: ‘SENTIR O CHEIRO DA GRAMA É BOM’

Ao ser acionado aos 29 minutos do segundo tempo na goleada por 4 a 0 sobre o Petrolina, que valeu a classificação à semifinal do Campeonato Pernambucano, o meia Sammir, finalmente, colocou fim a uma espera de um ano, nove meses e 24 dias. Tempo em que ficou sem atuar profissionalmente. Estreia pelo Sport cercada de expectativa não só pelo jogador, mas também por parte da torcida e do próprio técnico Guto Ferreira, que apesar de pedir paciência, não deixou de elogiar as qualidades do camisa 10.

Em campo, Sammir obviamente sentiu a falta de ritmo de jogo, após tanto tempo afastado devido a uma série de problemas físicos. Mesmo assim, conseguiu alguns bons passes, dando sinais de que poderá ser útil ao time ao longo da temporada. Após a partida, o jogador apenas agradeceu o momento.
“O sentimento é de gratidão ao Sport que abriu as portas para eu poder voltar ao Brasil e a torcida que pediu para eu entrar no jogo. Deu para correr 15 minutos depois de muito tempo parado. De novo sentir o cheiro da grama e o toque na bola é muito bom e me fez muita falta. Estou muito feliz pela estreia”, pontuou.
Com experiência de ter disputado a Copa do Mundo de 2014 pela seleção da Croácia (naturalizado), Sammir sabe que ainda está longe de brigar por um lugar no time titular. Por isso, prefere pensar jogo a jogo. “A concorrência no time é muito grande. É uma equipe que está se formando e tem muita qualidade. Tenho que trabalhar muito para conseguir essa titularidade”,  reforçou.

AFOGADOS A UMA VITÓRIA DA SÉRIE “D” DO BRASILEIRÃO 2019

O Afogados da Ingazeira está muito próximo da tão sonhada série “D” do campeonato brasileiro de 2020. Ontem no Estádio Vianão foi dado o primeiro passo. Em jogo muito truncado contra a equipe do Flamengo de Arcoverde, a coruja do Sertão encontrou um pouco de dificuldade, além, de apresentar um futebol fraco, não repetindo suas melhores atuações. Os gols do Afogados foram marcados por Rodrigo e Douglas Bomba. Para garantir vaga na competição nacional, o Afogados pode até perder por dois gols de diferença no próximo domingo, contra o Vitória na Arena de Pernambuco. 

O Flamengo foi julgado e o Pleno do TJD-PE puniu o time de Arcoverde com a perda de 13 pontos, consequentemente o seu rebaixamento foi decretado. A equipe vermelho e preto pretende recorrer da decisão no STJD, por isso mostrou um futebol muito forte no jogo de ontem.

 

Foto: Cládio Gomes

1 2 3 11